sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

HQ "X-Men - Edição Histórica n° 3"

O meu grupo favorito de super-heróis é e sempre foi os X-Men. Acho incrível a maneira como a história trata os diversos problemas como preconceito e exclusão. Criados em 1963 por Stan Lee e Jack Kirb, foram um grupo a se popularizar muito tempo depois, já com outros envolvidos trabalhando no projeto. Como muitos fãs provavelmente não pegaram essa época de histórias incríveis criadas no passado, a Mythos Editora resolveu lançar estes capítulos antigos reunidos em "Edições Históricas" em 3 volumes. Cheguei a ler todos esses 3 volumes, mas infelizmente só possuo o último, por isso é dele que irei falar. Esses volumes foram lançadas há um tempão atrás, mais exatamente em 2001, 2002 e 2003. Por isso deve ser bem difícil de encontrar. Entretanto, acredito que já fizeram novas edições especiais com esses capítulos sendo lançadas por outras editoras. A Mythos não teve um capricho tão grande com essas edições, a capa é mole, e as páginas dentro não são coloridas. Vale mesmo é para quem nunca leu essa fase dos X-Men.

Essa Edição Histórica é importante pois já começa resumindo todos os eventos de todas as aventuras passadas do grupo desde a sua formação (e reformulação, porque entrou novos integrantes) até o exato capítulo.

Também nos apresenta a mais nova X-Men ao resto do grupo: a carismática e esperta Kitty Pride! A Tempestade assume seu papel de liderança, depois da saída de Ciclope do grupo, mostrando como ela é poderosa e importante.

Wolverine, aliado ao Noturno, seguem para o Canadá, e acabam encontrado outro grupo de super-heróis chamado Tropa Alfa. Juntos, eles se unem para derrotar uma temível criatura: Wendigo. É a primeira vez que vejo Wolverine liberando toda sua fúria, em momentos destrutivos, para deter um oponente. É uma batalha incrível, e visceral, entre dois oponentes selvagens.

Também ficamos sabendo da existência de uma poderosa inimiga dos X-Men: Mística. A vilã reúne o grupo da nova Irmandade de Mutantes.

Dias de um futuro passado e O tempo e a mente são os meus dois capítulos preferidos deste volume, e um dos mais incríveis de toda história dos X-Men. Foi baseado neste arco que o diretor Bryan Singer inspirou-se para fazer o filmes dos mutantes. Nela, somos apresentados a um futuro onde os humanos são oprimidos e os mutantes são caçados pelos Sentinelas. Em um plano ousado, eles resolvem enviar a mente da Kitty Pryde para seu corpo jovem no passado para evitar que eventos transformem o mundo nesta realidade cruel. Também contém cenas impactantes no futuro, como as diversas mortes de personagens que tanto gostamos.

Também dedicaram um capítulo protagonizado pela Kitty Pryde. A jovem mutante enfrenta sozinha um perigoso monstro, com momentos de muita aflição!

O último capítulo é focado no Ciclope, e mostra o caminho que seguiu desde sua saída dos X-Men.

Roteiro desta obra ficaram por conta de Chris Claremont e Jhon Byrne, desenhos por Jhon Byrne e arte-final de Terry Austin (menos o último capítulo desenhado por Brent Anderson e arte-final de Josef "Joe" Rubinstein).

Há várias outros arcos do grupo de mutantes bacanas para falar, como "Astonishng X-Men" do Jhoss Whedon, mas fica para a próxima! ;)

0 comentários:

Postar um comentário