quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Desafio 10 livros para 2016


Neste clima de fim de ano os blogs tem tendência a criarem postagens fazendo uma retrospectiva de 2015, já fiz a minha de melhores e piores leituras. Decidi então criar um desafio pessoal meu, com 10 livros que que quero muito ler e falar aqui no blog. Queria realmente criar uma lista que fosse desafiadora, por isso pensei bem nos livros escolhidos.

A Tormenta de Espadas, de George R.R. Martin

Você deve estar estranhando que pulei A Fúria dos Reis, visto que acabei de ler A Guerra dos Tronos. Mas calma, não é isso! Na verdade, tenho certeza que lerei o segundo livro da saga de As Crônicas de Gelo e Fogo, mas quero conseguir adiantar a leitura da saga e ler mais um livro da série ainda em 2016.

Terras Metálicas, de Renato C. Nonato

Mais um livro de fantasia que quero ler para o blog, desta vez de um brasileiro. Para começar a ler mais literatura brasileira com temas fantásticos, como fantasia e ficção científica, resolvi escolher este livro do Renato C. Novato. Não pesquisei muito sobre o plot e nem li resenhas a respeito, quero ser totalmente surpreendido.


The Bell Jar, de Sylvia Plath

Ou A Redoma de Vidro, como ficou o título no Brasil. Resolvi que 2016 será o ano que começarei a falar mais das minhas leituras preferidas da vida. E este livro foi muito marcante quando li alguns anos atrás. Quem já leu sabe a razão da obra ser tão impressionante.

Breakfast at Tiffany's, de Truman Capote

No Brasil conhecido como Bonequinha de Luxo, e popularizado pela adaptação em filme com a Audrey Hepburn. Tenho paixão por esta história e pela personagem Holly Golightly. Minha única duvida é se leio a edição original em inglês ou a traduzida para o português. Particularmente falando adoro a capa da versão brasileira com a Audrey na cena inicial do filme, lançado pela Companhia das Letras!

Jogador nº 1, de Ernest Cline

Não há realmente uma razão aparente de estar na lista. Talvez por que todos os meus amigos leram menos eu? Mas a maior razão mesmo pode ser o vídeo de crítica que a minha conterrânea Natália Bridi fez, detonando o livro. E sabe como é, quando alguém fala mal de alguma coisa eu tenho que ler e conferir se é ruim mesmo.

Androides sonham com ovelhas elétricas?, de Philip K. Dick

Este é aquele típico caso de escritor tipo Stephen King, que vi todas as adaptações de suas obras para o cinema, mas nunca cheguei a ler nenhum de seus livros. Este também é um caso de autor que nem li ainda mas já tenho certeza que vou me apaixonar.

Ensaio sobre a cegueira, de José Saramago

Eu vi o filme este ano, dirigido pelo Fernando Meirelles e estrelando Julianne Moore, e a única coisa que consegui pensar foi: "eu preciso ler o livro o quanto antes". Meu nível de comprometimento tem que ser grande, principalmente em ler esta obra.

Aura, de Carlos Fuentes

Falta ler mais livros de mistério aqui no blog, e o escolhido para esta categoria é Aura. O mais interessante é que o autor é mexicano, então é ótimo para desbravarmos um pouco mais a literatura do mundo. Sou uma pessoa que não consegue ficar com medo fácil, vamos ver se Aura desperta meu interesse pelo gênero.

Anti-Justine, de Restif de la Bretonne

Super recomendação da querida Isa, do canal lidolendo. E como vocês sabem, Isa sempre arrasa nas recomendações. "Ah, vou falar, é uma putaria danada!" Então se a Isa falou tá falado! Farei post dedicado a leitores incautos do blog!

Precisamos falar sobre o Kevin, de Lionel Shriver

Esta é uma leitura mais por curiosidade, pois a Fernanda Zau colocou este livro como um de seus preferidos da vida (inclusive dizendo que odiou o filme). Já tinha ouvido falar deste livro em outros blogs que não são sobre literatura e me animei bastante. O tema parece ser do tipo que gosto, então vamos falar sobre Kevin em 2016.


Esta é a minha lista de livros para o meu pequeno desafio pessoal para o novo ano que está por vir. E vocês, já possuem algum livro preparado para ler? Tenho quase certeza que vou participar de outro desafio literário também, se pelo menos eu achar alguma lista bacana. É isso pessoal, feliz ano-novo, boas festas e até 2016!

0 comentários:

Postar um comentário